PORTUGAL FASHION (START UP) DIA 1: AS COLECÇÕES

Para além de fazer as honras da casa, com a abertura do certame, Luís Buchinho explorou os encantos da Alfândega e da cidade do Porto, apresentando a sua colecção numa sala diferente dos restantes desfiles. Mais pequena – o que levou algumas pessoas a assistir em pé – mas com a particularidade de uma vista única da Alfândega sobre o rio Douro (para quem estava virado para o sítio certo…) Portas abertas sobre a luz de uma rua do Porto,é sempre uma boa opção. Se sobre o Rio Douro, melhor!

Diferente das colecções apresentadas na Moda Lisboa e Paris Fashion Week, Luís Buchinho foi urbano e casual, com forte inspiração sport. As linhas rectas e fluídas apelam à languidez dos corpos, que se deixam balançar em tops largos e tecidos soltos. Com um forte domínio da cor indigo, a colecção pintou-se também de apontamentos de branco e pérola, de cinza, preto, outros tons de azuis, verde água e uma pitada de mostarda escura para apaladar.
image
image
image
image
Gostei da descontracção geral, do conforto das malhas (que nem sempre favorecem), dos geométricos (dos explícitos aos implícitos), e das sweaters masculinas.
ba9e4cb03a5018807dc65a882502e6a9_w380
Esta colecção fez-me voltar à minha infância! Não tanto pela título “Fábulas Felizes” que deu mote aos coordenados, mas porque me recordei dos colares de macarrão torrado que fazia na escola primária… Pareciam mesmo eles que estavam pendurados nos pescoços das modelos…
image
image
O branco dominou! Os pasteis, o dourado e a prata fizeram-lhe companhia.Tecidos ricos, texturizados e com brilho. Flores que ganham relevo, rendas que se sobrepõem,  em roupas de bonequinha de forte inspiração romântica! Não foi das minhas preferidas…
3f189eac8eb3dd236eb7287b3883dfba_w380772ccf8294bbc55d542336a574c53c9c_w380
Podem ver o desfile aqui. (Apesar de o video não lhe fazer justiça…)
JULIO TORCATO
Não assisti ao desfile do estilista trofense, porque jantar e repor açucares tornou-se imperativo. No entanto, depois de ver as imagens confesso que tive pena de ter perdido esta colecção masculina…

image

image
4ab796818e2daefffadc452e67fc570f_w380
Video aqui.

imageimage
Porque não começar pelo fim, e abrir o desfile com o vestido de noiva?… Atenções ainda mais redobradas quando a modelo despe a “saia” e revela um sensual interior em renda que chama pela noite de núpcias…
image
image
image
Ao som de “Under my Skin” em variadas versões, a dupla transportou-nos no tempo e levou-nos a viajar pela sensualidade das rendas e transparências, dos coletes vitorianos, do cetim, do chiffon de seda… De rosto marmóreo e lábios vermelhos ou escuros, a mulher Storytailors pertence sem dúvida ao mundo de fantasia que revive a história, em que o preto e o pérola se fundem com o vermelho, em toques de irreverência, provocação e feminilidade!

0bb2f6a9d98e3de06fff9529a68981ca_w380

Eu sabia que havia uma razão para estar ansiosa que este nome pisasse a passerelle!…

What's your reaction?

1 Comentar

  • Inserido outubro 25, 2011
    PorSara Levy

    O meu preferido foi sem dúvida Storytailors, também era o que mais esperava ansiosamente.
    Luis Buchinho “assisti” de pé, mas gostei.

    Beijinho

Deixe seu comentário